O Departamento

O Departamento de Estudos Culturais e Mídia (GEC) é o mais novo Departamento do Instituto de Arte e Comunicação Social (IACS) da Universidade Federal Fluminense. Criado em 27 de agosto de 2003, pela Resolução nº 121/2003 do Conselho Universitário da UFF, o Departamento reúne 21 professores efetivos com formação oriunda de diferentes áreas do conhecimento relacionadas ao campo da Comunicação Social e é responsável pelo curso de bacharelado em Estudos de Mídia. Originalmente, os professores do antigo Setor de Fundamentos do Departamento de Comunicação Social, bem como professores provenientes de setores como Publicidade e Jornalismo, foram os responsáveis pela sua criação. Desde então, uma quantidade expressiva de novos professores tem sido incorporados ao novo Departamento, apontando para uma crescente qualificação do mesmo.

Todo o corpo docente do Departamento, sem exceção, possui doutorado e a grande maioria dos professores que o integram possui atuação tanto na docência e quanto na pesquisa acadêmica. Mais da metade destes professores é credenciada em programas de pós-graduação, o que representa um índice de elevada produção acadêmica e sobretudo elevado grau de formação. O Programa de Pós-Graduação em Comunicação, criado em 1997, e o Programa de Pós-Graduação em Cultura e Territorialidades, criado em 2012, possuem, ambos, quadros deste Departamento atuando como pesquisadores. Vale reforçar que, na proposta original da criação do Departamento de Estudos Culturais e Mídia já se enfatizava o potencial de integração entre atividades de graduação e pós-graduação, uma vez que esta relação foi também determinante na formulação da proposta do curso de Estudos de Mídia.

A criação do Departamento de Estudos Culturais e Mídia espelha não apenas uma tendência dos estudos contemporâneos de Comunicação, como também representa uma via exploratória de absoluto comprometimento com o tripé fundador da universidade, pesquisa, ensino e extensão. Nesse sentido, os docentes do Departamento são responsáveis por coordenar uma série de projetos que envolvem iniciação científica, monitoria, extensão e inovação tecnológica, oferecendo aos alunos uma ampla gama de atividades complementares e oportunidades de bolsas.

Pratas da Casa

Tendo sido da primeira turma de Estudos de Mídia, ainda em 2005, confesso que não sabia muito bem o que esperar. Aos poucos, fui desvendando o curso e, no processo, descobrindo meus próprios interesses profissionais e acadêmicos. Em grande parte, isso foi possível graças à flexibilidade da formação e à atenção de professores dedicados e bastante presentes. Durante o mestrado e o doutorado, quando tive a oportunidade de ministrar algumas disciplinas, pude acompanhar o crescimento do corpo docente e o alargamento de assuntos trabalhados ao longo da graduação, fazendo de Estudos de Mídia um curso imprescindível para quem tem interesse em lidar com questões contemporâneas no campo da comunicação.

Lucas Waltenberg Doutor em Comunicação pelo PPGCOM-UFF, sócio da Mistura Digital