Perfil profissional

Embora exista apenas um curso com o rótulo de Estudos de Mídia em todo o Brasil, em termos globais, esta denominação não é uma novidade. Os cursos de Media Studies existem há algum tempo em outros países com esse e outros nomes similares, e têm como propósito maior promover uma reflexão sobre os meios de comunicação e analisar seus impactos na sociedade. Esta ideia é diferente da que orienta os outros cursos de Comunicação.

Enquanto estes se concentram no ensino de habilidades específicas no campo da Comunicação, o curso de Estudos de Mídia promove uma visão integrada pensando mais estrategicamente. O objetivo é que o aluno ao final de sua graduação seja capaz de entender o complexo sistema midiático como um todo.

Os alunos de Estudos de Mídia são antenados, conectados e dinâmicos, capacitados a acompanhar as constantes transformações do modelo de comunicação atual e a atuar na produção e distribuição de conteúdos midiáticos, bem como na crítica, análise, diagnóstico e elaboração de estratégias de atuação em agências, produtoras e distribuidoras de conteúdos multiplataforma, empresas de assessoria e treinamento, corporações, entidades governamentais, ONGs e instituições de ensino e pesquisa.

Pratas da Casa

Tendo sido da primeira turma de Estudos de Mídia, ainda em 2005, confesso que não sabia muito bem o que esperar. Aos poucos, fui desvendando o curso e, no processo, descobrindo meus próprios interesses profissionais e acadêmicos. Em grande parte, isso foi possível graças à flexibilidade da formação e à atenção de professores dedicados e bastante presentes. Durante o mestrado e o doutorado, quando tive a oportunidade de ministrar algumas disciplinas, pude acompanhar o crescimento do corpo docente e o alargamento de assuntos trabalhados ao longo da graduação, fazendo de Estudos de Mídia um curso imprescindível para quem tem interesse em lidar com questões contemporâneas no campo da comunicação.

Lucas Waltenberg Doutor em Comunicação pelo PPGCOM-UFF, sócio da Mistura Digital