Televisão e Convergência Midiática

A disciplina irá contextualizar a aproximação entre a televisão e a cultura digital e promover uma reflexão acerca dos fenômenos contemporâneos que contribuem para uma reconfiguração da experiência televisiva. Serão abordados os conceitos como convergência midiática, cultura participativa e subcultura fã. A ideia é identificar como essas práticas são trabalhadas, principalmente, na TV aberta brasileira. Com foco nos reality shows, vamos discutir sobre os formatos e pensar os motivos pelos quais o gênero ganhou grande relevância no país, principalmente no contexto da pandemia, analisando, sobretudo, as últimas edições do Big Brother Brasil. A disciplina será composta de aulas síncronas e assíncronas.

Sobre este curso

ProfessorLuiza Mello e Mayka Castellano
slide_templatedefault

Pratas da Casa

Tendo sido da primeira turma de Estudos de Mídia, ainda em 2005, confesso que não sabia muito bem o que esperar. Aos poucos, fui desvendando o curso e, no processo, descobrindo meus próprios interesses profissionais e acadêmicos. Em grande parte, isso foi possível graças à flexibilidade da formação e à atenção de professores dedicados e bastante presentes. Durante o mestrado e o doutorado, quando tive a oportunidade de ministrar algumas disciplinas, pude acompanhar o crescimento do corpo docente e o alargamento de assuntos trabalhados ao longo da graduação, fazendo de Estudos de Mídia um curso imprescindível para quem tem interesse em lidar com questões contemporâneas no campo da comunicação.

Lucas Waltenberg Doutor em Comunicação pelo PPGCOM-UFF, sócio da Mistura Digital